História da Frida

História da Frida

Frida nasceu em setembro de 2016, em um sítio no Icaraí. Sua mãe foi abandonada e teve os filhotes lá mesmo. Infelizmente, ela rejeitou a Frida, que começou a ficar fraquinha por falta de alimentação.

Uma titia-anjo encontrou os filhotes naquela situação e levou para casa para procurar possíveis adotantes. Além de desnutrida, Frida também tinha sarna, um corte na perna e um machucado no umbigo. A titia cuidou dela com muito carinho e, depois que ela estava melhor, levou a pequena a uma feirinha de adoção. Todos passavam, olhavam para ela, brincavam, mas ninguém quis levá-la para casa (era porque tinha que ser minha). Então a titia publicou sua foto em um grupo do face.

História da FridaEu sempre amei, resgatei e ajudei muitos cachorrinhos a terem uma família, mas nunca senti que deveriam ser meus, apesar de já ter tido um cachorro, o Bóris, que hoje é uma estrelinha. Um dia eu decidi encontrar um para chamar de filho(a). Já estava buscando um novo amorzinho há duas semanas, mas somente depois de várias tentativas de adoção, encontrei a foto dela numa publicação de outro cachorro. A foto estava lá nos comentários, linda e perfeita. Foi amor a primeira vista!

Dizem que, nesse momento, os corações batem na mesma sincronia. É a absoluta verdade! Pensei naquele segundo: é ela! Combinei tudo, anotei o endereço e fui encontrar minha nova filha, no outro dia. Desde então, a Frida tem tido dias de paz, regados por muuuuito amor e carinho. Tem também uma caminha quentinha, alimentação de primeira, um lar cheio de amor, uma irmã de 4 patas mais nova, tudo do jeito que ela sempre mereceu. Sou a mamãe mais sortuda e que ama sua filha incondicionalmente.

Alinne Vasconcelos, mamãe da Frida.

P.S. Obrigada, titia Marcela, por me dar a chance de encontrar a Frida! ♥️

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *